Carregando...

Notícias > Nacional - Atualizado em 30/05/2018 - 17:04:54

Motorista é morto a pedrada e jornalista da Globo é agredido durante manifestaçã
Redação

Imprimir está Notícia   Comentar está Notícia   Enviar está Notícia

Clima tenso na avenida Marechal Rondon, próximo ao Posto Miriam, um dos pontos de concentração do movimento grevista dos caminhoneiros em Vilhena. Pouco antes das 15h desta quarta-feira (30) o motorista do caminhão de placa IDF-1667 de Jaru, foi morto depois que uma pessoa ainda não identificada atirou uma pedra que perfurou o para-brisa do veículo e atingiu a cabeça do condutor. O corpo de bombeiros chegou a ser chamado, mas o homem já estava morto.

Segundo testemunhas o motorista estava trafegando com o veículo e foi atingido pela pedrada pouco antes de chegar ao ponto de maior concentração dos manifestantes.

O clima ficou mais tenso depois que motoristas tentaram identificar o responsável por arremessar a pedra. Um jornalista da equipe da Rede Amazônica, filiada da Globo, foi atingido por uma pedra depois que chegou ao local para fazer a cobertura da morte do caminhoneiro. Homens do Patrulhamento Tático Móvel (PATAMO) da Polícia Militar precisaram dísparar balas de borracha para dispersar a multidão.


Comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a comentar está notícia!

Nome Completo:
E-mail:
Comentário: